História do MU Best Fire!

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

História do MU Best Fire!

Mensagem  Bruno_GM em Seg Mar 24, 2008 5:51 pm

A Profecia

Os céus se abrirão novamente, as estrelas perderão o seu curso, e o medo descerá sobre a terra. Um santo desperta e destrói o Lacre de Correntes. Dentes vorazes irão saquear a terra, a terra! Que Cruel! O sangue de Crimson mancha o chão.

Sob o sol, as 8 Jóias da Lenda e Erudição deverão aparecer, e Satã terá chegado... Atenção a essas palavras, homem sábio! Um dia chegará quando no solo 8 estrelas deverão ser fixadas, o Dia do Pesadelo será este chamado quando os Raios do Paraíso dividem o céu e ecoam anéis de lamentações no Vale da Morte, e a luz descerá sobre esta terra vindo de um mundo já esquecido.

Prólogo

Antonias, o príncipe dos Cavaleiros Negros, estava próximo da realização de suas tolas ambições.

"Mu será meu e somente meu! Tolos, homens desprezíveis, olham com respeito meu poder enquanto eu quebro o Lacre por meu destino."

Uma feiticeira má chamada Lemulia incitou o tolo Lorde e seduziu sua mente com falsas esperanças, para Antonias, que já estava doente e cansado das incensáveis batalhas entre os senhores feudais de Mu. Lemulia falou infinitamente sobre o conto do Grande Lorde, um demônio, o Demônio da escuridão, Kundun que havia existido há 1000 anos atrás, antes do império de Mu nascer. Ela falou de como aqueles que se tranqüilizavam com o Lorde das Trevas seriam mestres de todo o mundo e não meramente um império ou um continente. Antonias, cego pela ambição, caiu facilmente na armadilha de Lemulia. Aqueles que viram através do véu da decepção de Lemulia, leais e altruístas conselheiros, foram imediatamente postos à morte, e tudo que restou foi o ingênuo Lorde, a malvada e cruel bruxa e guerreiros sedentos de sangue.

O exército de Antonias continuou a devastar a terra, conquistando o império à força sob os astutos truques e feitiçarias de Lemulia, e com o tempo, no agourento dia mencionado na Profecia de Secromicon, as forças de Antonias concentraram-se em Ketthotum. Os medonhos, impiedosos, soldados de Antonias ansiosamente esperaram pelo momento quando Antonias e Lemulia iriam quebrar o Lacre. O vento caiu silenciosamente e seu ar foi se enchendo de incerteza à medida que o tempo escorria.

O Santuário de Ketthotum ondulou grotescamente. Por um breve momento, um olhar de pânico atravessou os olhos de Antonias. "Está tudo bem, Lemulia?" A feiticeira Lemulia, escondida em um sombrio manto negro, balançou sua cabeça. "Somente para o Rei da terra! O momento chegou." A confusão e a incerteza de Antonias permaneceram, mas estava aparentemente satisfeito com a resposta dela. Antonias então gritou, "Essa terra continuará sendo minha pra sempre." e intentou tocar o Lacre de Etramu.

"Om Orakust, Hemiad, Kiratus. Le Al Hokbras, Ektua, **."

Um desconhecido encantamento foi cuspido da boca de Lemulia, e ao mesmo tempo, uma cortina protetora azul envolveu Antonias. Neste exato momento, o Lacre de pedra começou a irradiar luz. Enquanto a encarnação de Lemulia ficou mais estrondosa e nítida, um olhar de loucura começou a fluir e dançar nos olhos de Antonias à medida que ele encarava a jóia. "Um pouco mais, um pouco mais..." As mãos de Antonias estavam tremendo à medida que ele se aproximava do Lacre de pedra. A luz emanada da pedra começou a sofrer espasmos "só um pouco mais." - Clink! Antes da encarnação de Lemulia terminar, o Lacre de pedra se partiu. "O Rei, o Rei de Sangue!!" No meio dos rumores de vozes extasiantes dos soldados clamando pelo seu mestre, o Demônio da Escuridão, Kundun ressuscitou. Kundun, que despertou furiosamente de seu sono, encarou Antonias e gritou, "Agora a terra é só minha! Somente o sangue e o medo preencherão essa terra!" E os oito pedaços do Lacre de pedra se espalharam para longe e extensamente pelos cantos do vasto continente que é Mu.


História

Em um tempo milenar, a Terra de Mu avançou e desenvolveu o império em constante progresso. Contudo, como foi dito antes na Grande Profecia, Secromicon, o Continente de Mu sucumbiu em um esmagador caos. Os Grandes Líderes que um dia haviam controlado o Continente de Mu agora se encontram decaídos, e o governo central; devido à disputa interna e à hostilidade entre senhores feudais sedentos de poder, levou o reino distante, assim como o império, à desagregação. O milênio de paz e generosidade consiste agora em uma mera memória, e uma mancha escura de sangue agora cobre a terra. As ruínas da guerra devastaram a terra que foi uma vez linda, e o derramento de sangue ainda não tem fim. Mesmo agora, os mesquinhos senhores feudais eternamente constroem suas máquinas de guerra e futilmente tentam reestabelecer o que já foi um dia.

E foi durante esse tempo de derramamento de sangue sem fim que os Portões do Inferno foram abertos e as cegas ambições de um homem tolo o levaram a perdição.

Antonias um Lorde tolo, cego pela ambição, foi iludido pela malvada Feiticeira Lemulia, inintencionalmente libertando Kundun, o Demônio da Escuridão, um demônio dificilmente confinado pelo Lacre de Etramu.

"Agora essa terra será minha de novo. Eu bani a Paz para sempre... o Sol não mais irá brilhar. Essa terra será minha, e os astutos homens serão meus escravos e rebanho."

O antigo demônio Kundun, despertado de seu longo e inquieto sono, agora caminha entre os vivos, definhando a terra com seu toque. Entre o caos, as estrelas perderam o seu curso, e o fedor do medo e sangue permeia por toda parte. Kundun lançou pela terra seu ódio e vingança pelo longo confinamento. Em pouco tempo, a agora desamparada terra de Mu se transformou em lar para os servos de Kundun, e por 2 longos anos, o mal do seu reinado encardiu tudo aquilo que uma vez foi puro. O Dia do Pesadelo, uma passagem na Grande Profecia, se realizou e deixou de ser somente meras palavras de dias passados. Homens sábios iniciaram seus estudos novamente e esperançosos e ardentemente referidos ao raio de luz mencionado nas escrituras da profecia. Suas últimas esperanças se atribuem ao poder do lacre de Etramu, o grande lacre que manteu o aprisionamento de Kundun. Em 8 partes o lacre foi dispersado e somente quando o lacre for reunido inteiro, a paz deverá retornar uma vez mais à terra.

_________________
avatar
Bruno_GM
Game Master
Game Master

Masculino
Número de Mensagens : 12
Idade : 32
Localização : Brasil
Data de inscrição : 25/02/2008

Ver perfil do usuário http://www.mubestfire.forumeiro.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum